Quarta, 26 de Janeiro de 2022 20:21
(99) 98133-6017
Política ANÁLISE

Saiba quem foram os três piores prefeitos da Região Tocantina em 2021

Domingos França, Bartolomeu Alves e Edinalva Brandão, figuram como péssimos gestores públicos.

29/12/2021 11h52 Atualizada há 4 semanas
Por: Angra Nascimento
Domingos, Edinalva e Bartolomeu disputam o título de pior prefeito em 2021.
Domingos, Edinalva e Bartolomeu disputam o título de pior prefeito em 2021.

Muitos municípios elegeram nas últimas eleições municipais, gestores que pregavam a mudança, a renovação. Montes Altos, Senador Lá Rocque e São Francisco do Brejão, são apenas alguns exemplos, onde os eleitores acreditaram nesse discurso, e agora, pagam o preço do descaso com prefeitos despreparados e totalmente perdidos. 

Eleito como salvador da pátria, Domingos França até agora não mostrou a que veio. Sempre com o mesmo discurso de que não tem dinheiro, ele entra no ranking de pior prefeito que a cidade já teve. 

Despreparado, não é raro o boiadeiro sair às ruas pedindo ajuda dos moradores, no melhor estilo “vakinha”, para resolver os problemas da cidade que são de responsabilidade de um prefeito. É um desmando atrás do outro! Enquanto isso, o povo paga o preço pela péssima escolha nas urnas. 

Mas não é só Montes Altos, Senador Lá Rocque também vive o mesmo dilema. Eleito para construir e transformar, Bartolomeu Alves até agora não construiu nada. Sempre reclamando que não tem dinheiro, ele, na verdade, tem transformado o município num verdadeiro caos. 

São ruas intrafegáveis, saúde a beira de um colapso, salários de servidores contratados sempre atrasados, entre outras áreas que padecem com a incompetência do professor, que de administração pública parece não tem o menor dor. 

Em São Francisco do Brejão, a história se repete, com fraquíssima Edinalva Brandão que caiu de paraquedas, após a morte de Ronei Alencar. Sem o menor preparo, a mulher até agora não conseguiu mostrar serviço. Submissa ao namorado, um vereador de João Lisboa, ela não consegue tomar decisões importantes a frente do município, e quem padece são os moradores. 

Além disso, Edinalva se reusa em honrar os compromissos de campanha do companheiro de chapa. Na primeira semana de gestão, ele demitiu todos os servidores contratados por Ronei, e agora, se recusa a pagar dívidas deixadas pelo falecido. Uma vergonha! 

Os três prefeitos têm em comum, além da incompetência quando o assunto é gestão pública, as lamúrias. Estão sempre chorando, e reclamando que seus municípios não têm recursos. Mas esse foi apenas o primeiro ano de gestão, ainda podem acordar e fazer a diferença em três anos que faltam. 

Portanto, Domingos, Bartolomeu e Edinalva, é hora de acordarem para Jesus, e fazer de 2022 um grande ano. Ainda dá tempo de colocar em prática o discurso de palanque e promoverem a verdadeira mudança que a população confiou em vocês que fariam. Deixem de mimimi e vamos trabalhar. Não tem mais como continuarem de lamentações. 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.